Área Restrita

Últimas Notícias

Obrigações do Dia

  • 25/Março/2019
  • DCTF Mensal | Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais
  • DCTF - Inativa | Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais
  • IRRF | Imposto de Renda Retido na Fonte
  • COFINS
  • PIS/Pasep
  • IPI | Imposto sobre Produtos Industrializados

Indicadores Econômicos

Moedas - 21/03/2019 16:41:46
  • Nome
  • Compra
  • Venda
  • Comercial
  • 3,795
  • 3,796
  • Paralelo
  • 3,800
  • 3,990
  • Turismo
  • 3,780
  • 4,010
  • Euro
  • 4,310
  • 4,312
  • Iene
  • 0,034
  • 0,034
  • Franco
  • 3,827
  • 3,828
  • Libra
  • 4,974
  • 4,978
  • Ouro
  • 160,000
  •  
Mensal - 14/02/2019
  • Índices
  • Dez
  • Jan
  • Inpc/Ibge
  • 0,14
  • 0,36
  • Ipc/Fipe
  • 0,09
  • 0,58
  • Ipc/Fgv
  • 0,21
  • 0,57
  • Igp-m/Fgv
  • -0,49
  • 0,01
  • Igp-di/Fgv
  • -0,45
  • 0,07
  • Selic
  • 0,49
  • 0,54
  • Poupança
  • 0,50
  • 0,50
  • TJLP
  • 0,56
  • -
  • TR
  • -
  • -

5 passos para desenvolver a empatia

Shana Wajntraub

A empatia é uma aptidão social crucial para o nosso sucesso. Mas, nem sempre é fácil compreender sentimentos alheios, reconhecer e aceitar as diferenças.

Para criar sintonia com o outro, devemos interpretar os seus sentimentos, pois na maior parte das vezes, esta comunicação é não-verbal, ou seja, as pessoas emitem sinais sutis do que desejam. Por isso, é fundamental observar os gestos, a postura, a entonação da voz e até o silêncio.

Mas, antes de enxergar o outro, você deve olhar para o espelho. Percorrer o caminho do autoconhecimento é imprescindível para os que querem ser empáticos. Quanto mais consciente de nossas emoções, mais facilmente entenderemos o outro, e dificilmente iremos projetar ou julgá-lo.

Algumas dicas de como desenvolver a empatia:

1. Autoconhecimento

Conheça seus pontos fortes, a desenvolver, reconheça suas emoções no momento em que ocorrem, interprete-as. Lembre-se de cada pessoa é um mundo. Se você não entender o seu, correrá o risco de achar que as pessoas tem as mesmas motivações, valores e comportamento.

2. Estabeleça uma conversa empática

Demonstre que você está entendendo o transmitido, através de expressões, como: “Eu te entendo”, “imagino como deve estar sendo difícil”.

3. Ouça, e com atenção

Perceba a linguagem corporal, respiração, gestos, expressões, postura. Neste momento, procure silenciar os seus pensamentos, ou seja, não adianta estar escutando e pensando no que você tem que fazer amanhã. Muitos são os que só ficam em silêncio no momento em que o outro está falando para apenas aguardar a sua hora de falar e/ou aqueles que interrompem com frequência o outro.

4. Demonstre interesse

Expresse através de sua postura que você está interessado. Fale coisas para que ele continue o discurso, como: “Que legal”, “Interessante”, “nossa”, claro que vai depender do diálogo e da relação com o emissor.

5. Diminua ou corte o julgamento

Evite olhar para o outro segundo os seus valores, opiniões e emoções. Veja-o como realmente o é. As pessoas que mais julgam são as que menos se conhecem, via de regra, pois projetam o tempo todo, segunda as suas perspectivas.

Qualquer dúvida, entre em contato pelo email shana@eleveconsulting.com. 

Fonte: Administradores - 06/01/2016

Site desenvolvido pela TBrWeb
(XHTML / CSS)
AFS Escritório Contábil Ltda
Rua Miguel Couto, 35 - Grupos 503 - Centro - Rio de Janeiro, RJ - CEP 20070 030
Fone: 21 2233 0354 | 21 2516 0792